Projeto do parlamento belga pelo centenário do Genocídio Arménio

O líder do partido Nova Aliança Flamenga da Bélgica, Peter De Roover, anunciou a elaboração de um projeto de resolução para o centenário do Genocídio Armênio, um documento que já foi apresentado para aprovação no parlamento.

O documento contém uma chamada para honrar a memória das vítimas do Genocídio Armênio e participar dos eventos do centenário, condenando todos os casos de crimes contra a humanidade e rejeitando qualquer tentativa de negação.

Representantes do Partido Verde propõem modificações ao texto. Mas a resolução dificilmente tenha votação antes do recesso parlamentar, então provavelmente seja tratado no final deste ano.

O Parlamento belga já reconheceu o Genocídio Armênio em 1998, quando o Senado aprovou uma resolução.

Compartir