Ex-diretor da CIA, vai fazer lobby para o governo turco em Washington

O ex-chefe da Agência Central de Inteligência (CIA), Porter Goss, que serviu entre 2004-2006 durante o governo de George W. Bush, irão fazer lobby para a Turquia em Washington.

A intenção de Goss para fazer lobby para a Turquia foi revelado quando ele registrou em 23 de abril no Departamento de Justiça dos Estados Unidos, nos termos da Lei de Registro de Agentes Externos, que requer “pessoas que actuam como agentes de diretores estrangeiros de uma capacidade política ou quase política de tornar divulgação pública periódica de seu relacionamento com o principal estrangeiro”. O registo em causa expira em 30 de abril de 2017.

O formulário foi apresentado através do empregador atual de Goss, “Dickstein Shapiro”, um escritório de advocacia com sede em Washington e grupo de lobby com um relacionamento de longa data com o governo turco.

O formulário afirma que Goss vai trabalhar em regime de tempo parcial, aconselhando á Turquia sobre os esforços de combate ao terrorismo, comércio e questões de segurança energética, e “os esforços para construir a estabilidade regional em todo o Médio Oriente ea Europa.”

Ele também fará lobby aos membros do Congresso sobre “questões de importância para a Turquia” e notificarai a seu novo empregador de ações no Congresso ou do Poder Executivo relevantes para os seus interesses nacionais.

Compartir